Soul of the World - Leonardo 500 Years

Date: 
10/25/2019 to 02/12/2020
Opening days and time: 
Monday, from 12:00 PM to 5:00 PM
Thursday to Friday, from 10:00 AM to 5:00 PM
Saturday, from 10:30 AM to 2:30 PM
Entrance allowed up to 30 minutes before the exhibition closing time.
A Biblioteca Nacional foi buscar em seu acervo de obras raras algumas preciosidades para celebrar os 500 anos da morte de Leonardo da Vinci.

cobertura-5805-alma-mundo-leonardo-500-anos.png

Cartaz da exposição A Alma do Mundo - Leonardo 500 anos.
Cartaz da exposição A Alma do Mundo - Leonardo 500 anos.

The exhibition “The Soul of the World - Leonardo 500 years” opened on October 24th, curated by Marco Lucchesi, president of the Brazilian Academy of Literature (Academia Brasileira de Letras) and a specialist on the works of Da Vinci.

According to Helena Severo, president of Biblioteca Nacional, the exhibition is an opportunity for the institution to fulfill its mission of democratizing access to its vast collections, among the 10 largest national libraries in the world, and the largest in Latin America.

For this exhibition, Lucchesi brought a more contemporary approach to Da Vinci: in regards to Mathematics, IMPA (Institute of Pure and Applied Mathematics) presents a video of the Monalisa slowly turning into a frog based on mathematical flow principles, and then into several other figures. Flows are related to hydraulics, Leonardo's subject of study.

Courtesy of the Fractarte Institute in São Paulo, two videos of brilliant fractal bursts are available, resulting from a calculation of over 10 trillion signals.

The Museum of Science and Life of Universidade Federal do Espírito Santo (Federal University of Espírito Santo) brings plastinated fossils, which highlight the anatomical studies of which Leonardo was an excellent precursor and reconfigures, once again, the relationship between art and science. A fetus that Leonardo drew after seeing it inside a woman, a skull, elements reproduced through plastination and research are featured in this exhibition.

Among the 70 works in the collection of the National Library - including engravings, drawings, and books, all brought by D. João in 1808 with the Royal Library and recovered by the conservation and restoration laboratory - the most striking is Luca Pacioli’s Divina Proportione, with 60 illustrations of platonic solids by Leonardo: polyhedra that have the same number of faces meeting at each vertex form pyramids, cubes, octahedros, dodecahedra and icosahedros. This rare and curious book is a landmark of Renaissance geometry. Pacioli was a professor of mathematics around 1496 at the court of the Duke of Milan, Ludovico Sforza, where he met Leonardo da Vinci, then a painter and engineer at the same court. The work contains a summary of the properties of the “golden ratio” based on Euclid's theorems - the shapes are shown in both skeleton and solid aspect. This is considered to be the work with greater influenced in art world.

Um conjunto de leituras que fizeram a formação de Leonardo, de acordo com as listas nos códices de Madrid, das listas que o próprio Leonardo fez, livros que fizeram parte de sua biblioteca, de onde tirou suas ideias, aprendeu e cresceu. “É um material às vezes extremamente medíocre, com resultados extremamente geniais”, diz o curador.

“O gênio de da Vinci não se restringe aos maquinismos que projetou, mas a um método plástico e rigoroso: a poética do conhecimento radial, que ultrapassa escafandros e máquinas voadoras, segundo uma leitura feliz, que não distingue arte e ciência, como distantes comarcas. É antes a busca de uma via transversal, de um conteúdo plástico e crescente.

Gran Cavallo

Em 1482, o duque de Milão encomendou a Leonardo da Vinci  a construção de uma grande estátua para homenagear seu antecessor, Francesco Sforza, simpatizante de esportes equestres. Passaram-se 10 anos até que fosse concluído um cavalo de argila com sete metros, na verdade um molde para a estrutura de bronze. Oitenta toneladas da liga metálica foram acumuladas, mas com a ameaça de uma invasão francesa, o bronze e o molde de argila viraram material bélico.

O projeto então foi esquecido, mas 500 anos mais tarde, em 1977, um piloto aposentado e colecionador de arte, Charles Dent, soube do caso, fundou um instituto e angariou fundos para construir a obra inconclusa de Leonardo, chamada de “Gran Cavallo”.

Duas estatuas foram então erguidas, em Milão e no jardim de um milionário alemão, e mais tarde outras duas, uma na cidade natal de Charles Dent e outra na cidade natal de Leonardo, Achiano, na Italia.

Mas essa história acabou chegando ao Brasil. O advogado e poeta Diógenes da Cunha Lima, do Rio Grande do Norte, encomendou ao escultor Dalécio Damásio Mariz uma réplica do “cavalo” de três metros. O prefeito de Parnamirim instalou a escultura na cidade.

Marco Lucchesi foi então buscar uma pequena cópia em bronze e outra em fotografia, que serão mostradas na exposição Alma do Mundo – Leonardo 500 anos.

Artistas contemporâneos

Duas reproduções de pinturas de Israel Pedrosa, cedidas pela família do artista Anunciação e Batalha de Anghiari; a espiral de Roberto Moriconi e o fabuloso passeio pela Grécia, de Wesley Duke Lee, dentro do helicóptero de Leonardo, são algumas das principais obra que estarão expostas na Biblioteca Nacional. Segundo Lucchesi, os trabalhos escolhidos dialogam de alguma maneira com Leonardo Da Vinci. Trabalhos de Pietrina Cecchaci, Ana Maria Maiolino, Angelo Venosa, Nazareno, Valtercio Caldas e Amador Perez também estarão presentes.

Alma do Mundo – Leonardo 500 anos

Endereço

Biblioteca Nacional
Rua México s/n
Centro, Rio de Janeiro/RJ

Abertura

24 de outubro

Visitas

  • Segunda-feira – 12h às 17h
  • Terça-feira a sexta-feira – 10h às 17h
  • Sábados – 10h30h às 14h30

Entrada franca

Créditos

  • Curador - Marco Lucchesi
  • Co-curadora - Monica Carneiro
  • Supervisão Geral - Veronica Lessa
  • Coordenação de Produção - Maria Clara Rodrigues
  • Expografia - Leila Scaf
  • Identidade visual e projeto gráfico - Verbo Arte Design
  • Assistente de produção e edição de vídeo - Lucas Rodrigues
Informações complementares: 
Free entrance. Entrance allowed up to 30 minutes before the exhibition closing time.
Location

Espaço Cultural Eliseu Visconti

Rua México s/n Rio de Janeiro, RJ 20031-144